Alimentação do Bebê de 8 Meses

Saiba como funciona a alimentação do bebê entre o 8º e 9º mês de vida

Não é preciso ser mãe para saber que os bebês precisam tratamento diferenciado, especialmente quando o assunto é alimentação. Nos primeiros meses de vida, somente o leite materno ou algum substituto indicado pelo pediatra são os alimentos imprescindíveis para suprir as necessidades alimentares do seu bebê. Todavia, a partir de uma certa fase, mais especificamente, após o oitavo mês, a rotina alimentar é alterada. Veja como:

O período entre os seis e os nove meses é repleto de mudanças na alimentação do bebê. A novidade mais significativa desta fase é que só o leite sozinho, seja o materno ou a fórmula em pó, não dá mais conta de todas as necessidades nutricionais que a criança tem para permanecer a se desenvolver forte e saudável.

A partir do sexto mês, o sistema digestivo já está mais amadurecido e o organismo é mais forte para enfrentar eventuais infecções ou alergias causadas por novos alimentos. Por isso, aos poucos, o bebê pode começar a comer frutas amassadas e raspadas e, gradativamente, passará a consumir papinhas salgadas, primeiramente no almoço e depois no jantar.

Mesmo assim, o leite materno ainda continua sendo um alimento essencial e reconfortante para o bebê. O ideal é que ele seja oferecido às crianças até os dois anos de idade, pelo menos. Não se preocupe, pois quando chega o momento de dar este passo na rotina do seu bebê, seu pediatra irá sinalizar e dar todas as instruções para que isso ocorra da melhor maneira possível.

 

Por Ingrid de Castro.

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

Deixe um comentário