Alimentos que Melhoram a Imunidade

Uma alimentação equilibrada é essencial para manter o corpo funcionando de maneira adequada e, consequentemente, ajudar na melhora e fortalecimento da imunidade, afastando assim o risco de doenças e infecções virais, como gripes e resfriados. A imunidade alta, além de servir como defensora do organismo, também contribui no bem estar geral do indivíduo, potencializando a disposição e o alto astral. Na próxima visita à feira ou supermercado, encha a sacola ou carrinho com os seguintes alimentos:

Alimentos fontes de Ácido Fólico: É essencial para deixar o organismo mais resistente a doenças, atua como um fortificante natural.Ex: abóbora, amendoim, farelo de trigo, feijão preto, fígado, grão de bico, lentilha, nozes, ovos, suco de laranja, banana, pepino, repolho verde cozido, espinafre, agrião, brócolis, escarola crua, couve refogada e outras folhas verdes em geral.

Tomate: um dos melhores combatentes contra o câncer de próstata. O licopeno, pigmento responsável pela coloração vermelha da fruta, tem a capacidade de se acumular na glândula prostática e inibir o crescimento de células cancerígenas. É recomendado o consumo de 1 unidade por dia, e quanto mais vermelha a tomate, melhor.

Cogumelo: tem alto índice de proteínas, mas contém também fibras, minerais, vitaminas e mais duas substâncias muito importantes as betaglucanas e a eritadenine, que contribuem para reduzir o acúmulo de gordura no sangue e as taxas de colesterol.

Gengibre: combate as inflamações da garganta e das vias aéreas e pode ser usado no combate a enjôos como calmante do estômago. Muito rico em vitamina C e B6 que ajudam nas defesas do organismo, além de conter gingerol, fitoativo de ação comprovada no combate ao câncer.

Frutas Vermelhas: todas estas frutas possuem antocianinas e flavonóides que são as substâncias responsáveis pela cor vermelho-arroxeada. Ex: morango, framboesa, uva, cereja, amora e o mirtilo (blueberry), uma das mais importantes do grupo, o blueberry ajuda a reverter a queda das funções cerebrais e aumenta a liberação de dopamina, que tem a função energizante e estimulante.

Pimenta: rica em betacaroteno, que se transforma em vitamina A e auxilia o organismo na luta contra todo tipo de infecções. É fonte também de capsaicina (responsável por fazer a boca arder), que age na liberação de endorfinas e na dissolução de coágulos sanguíneos, que ajuda no controle de colesterol e prevenir a arteriosclerose.

Chá Verde: esta erva estimula o crescimento de bactérias que são benéficas ao intestino e inibe a ação das maléficas. É muito importante que nosso trato intestinal esteja em perfeito funcionamento, cerca de 70% do sistema imunológico depende disto. É recomendado que se tome 4 xícaras de chá por dia para contar com os benefícios do chá-verde.

Batata Doce: tem poderes fantásticos para o bom funcionamento do sistema imunológico, atua no combate ao mal de Parkinson, males do fígado, problemas cardíacos e câncer.

Canela: impede o desenvolvimento de bactérias no organismo, inclusive no combate ao mau hálito e alguns estudos apontam para a sua utilização no combate ao diabetes tipo 2.

Figo: fonte de fibras, contribue na regulação dos níveis de insulina, no funcionamento do intestino e na diminuição da velocidade do envelhecimento. Por conter polifenóis, impede a degradação celular pela ação da poluição, fumo e estresse. Mas deve ser consumida com moderação, pois seu excesso favorece o acúmulo de gordura, recomenda-se quatro unidades por semana.

Romã: diminui os riscos de desenvolver doenças do coração e câncer, pois é rica em flavonóides, substâncias que controlam o colesterol e regulam o fluxo sanguíneo para o coração.

Salmão: rico em ômega-3, um óleo saudável e com ação antioxidante. Do salmão retira-se o DMAE, substância que também tem sido utilizada como anti-envelhecimento da pele.

Castanha-do-Pará: rica em selênio, mineral antioxidante que diminui a degeneração cutânea e cerebral e ainda conta com o magnésio, ela interfere na atividade muscular e cardíaca.

Brocólis: fonte de fósforo, magnésio, potássio, cácio e vitamina C. Uma xícara tem 10% da dose diária recomendada de ferro e Vitamina C que um adulto necessita.

Linhaça: fonte de ômega-9 e ácido alfa-linoleico, que ajudam o intestino e coração a funcionar melhor. pois equilibram os níveis de gordura no sangue. O recomendado é consumi-la triturada ou na forma de farinha. Para potenciliazar seu efeito, prefira antes germinar as sementes num copo d’água da noite para o dia.

Por Malanny Serejo /Fonte: www.corpo-saude.wmnett.com.br.

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

Deixe um comentário