Candidíase – Causas, Sintomas e Tratamentos

 

Tudo sobre a Candidíase – causas, sintomas e tratamentos

A candidíase é uma doença ocasionada por um fungo chamado candida albicans. A maioria das pessoas o possui no organismo, mas não sofrem as manifestações. No entanto, quando o sistema imunológico está afetado e enfraquecido, o fundo pode se expandir e causar ferimentos por várias partes do corpo, entre elas boca, língua e regiões íntimas, tanto em homens quanto mulheres.

Veja alguns fatores que podem favorecer o desenvolvimento da candidíase:

Gravidez – o cana vaginal fica favorável ao desenvolvimento da cândida devido ao aumento dos níveis de estrogênio.

Anticoncepcionais – o estrogênio também fica abundante no fluxo vaginal.

 

Menopausa – a diminuição dos hormônios femininos faz com que a mucosa vaginal fique menos resistente.

 

Corticoídes – provoca alteração no sistema imunológico.

 

Antibióticos – podem gerar um desequilíbrio entre a flora bacteriana do órgão genital feminino e a micótica.

 

Distúrbios endócrinos – como o diabetes, que provoca alta concentração de açúcar no meio vaginal e na urina.

 

Higiene pessoal – um mau hábito de higiene pode difundir os microorganismos do intestino para o órgão genital feminino.

 

Roupa íntima de material sintético – elas produzem uma situação de calor e umidade sobre a pele, acúmulo de suor, favorecendo o crescimento da cândida.

 

Agentes sensibilizantes de pele – a pele pode sofrer lesões ou inflamação pela ação de sabonetes, desodorantes e nebulizações vaginais (ducha).

 

Relações sexuais – a mulher pode adquirir candidíase vaginal através da auto-infestação e contaminar o seu parceiro, que passa a ser uma fonte de contágio.

 

Roupas – Meias de nylon e calças apertadas.

 

Os principais sintomas da candidíase na região íntima são coceira, corrimento esbranquiçado, dor no ato das relações sexuais, vermelhidão na pele e ardência ao urinar. O quadro pode ser confundido, muitas vezes, com o de cistite. Na boca podem surgir pequenas lesões brancas e aveludadas, como aftas.

 

O tratamento é feito através do uso de medicamentos antifúngicos, podendo ser em comprimidos ou pomadas. Se você e seu parceiros estão com os sintomas, os dois devem fazer o tratamento e tomarem os devidos cuidados.

 

Por Ingrid de Castro.

 

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

Deixe um comentário