Como controlar a Ansiedade e o Nervosismo

A ansiedade e o nervosismo são sentimentos de apreensão desagradável, vago, acompanhado de sensações físicas como vazio (ou frio) no estômago (ou na espinha), opressão no peito, palpitações, transpiração, dor de cabeça, ou falta de ar, dentre várias outras.

É geralmente um sinal de alerta, que adverte sobre perigos iminentes e capacita o indivíduo a tomar medidas para enfrentar ameaças. O medo é a resposta a uma ameaça conhecida, definida; ansiedade é uma resposta a uma ameaça desconhecida, vaga.

A ansiedade prepara o indivíduo para lidar com situações potencialmente danosas, como punições ou privações, ou qualquer ameaça a unidade ou integridade pessoal, tanto física como moral. Desta forma, a ansiedade prepara o organismo a tomar as medidas necessárias para impedir a concretização desses possíveis prejuízos, ou pelo menos diminuir suas conseqüências.

Já a ansiedade patológica, por outro lado, caracteriza-se pela excessiva intensidade e prolongada duração proporcionalmente à situação precipitante. Ao invés de contribuir com o enfrentamento do objeto de origem da ansiedade, atrapalha, dificulta ou impossibilita a adaptação.

A pessoa está sempre numa tensão constante e com “medo de algo” que ela não conhece nem sabe definir. Assim, sente-se inquieta e as situações á sua volta criam-lhe muitas vezes um mal estar que ela não consegue definir nem controlar.

Se não controlada, a ansiedade e o nervosismo leva a um  estado de espírito negativo à vida da  pessoa, fazendo com que ela se afaste da realidade á sua volta, acabando muitas das vezes por prejudicar a sua vida e os seus relacionamentos.

A pessoa que sofre de ansiedade, sente uma necessidade de estar sempre a fazer coisas por forma a fugir do seu estado emocional para que se sinta melhor.

Os tratamentos para tratar da ansiedade e nervosismo incluem Por vezes usa-se a psicoterapia para dar uma ajuda nesta situação assim como a prática de exercícios relaxantes como o yoga, tai-chi e outros exercícios físicos por forma a libertarem o stress e a descontraírem a pessoa.

Por Malanny Serejo / Fonte: ansiedade.com/psicosite.com.br

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

Deixe um comentário