Como Educar os Filhos Pequenos?

Para quem tem criança pequena em casa, sabe como é difícil domar o gênio e as vontades desses anjinhos. Voluntariosos, querem as coisas sempre do jeito deles e na hora em que pedem, apelando, quando contrariados, para torturantes e constrangedoras situações de birra, esperneio, gritos e muita dor de cabeça para os pais.

Só mesmo a famosa e sempre bem vinda Supernany para dar cabo a essa “manha” toda dos pequenos. Para isso, reuni algumas dicas baseadas nos ensinamentos da nossa mestra da educação infantil. Assim, você saberá como reagir quando seu filhote ameaçar abrir aquele berreiro – dentro da loja de brinquedos lotada! – porque não pode levar aquele megapowerplus carrinho de controle remoto – de preço absurdo-, para casa.

– Imponha Limites. De modo paciente, ensine às crianças quais são as regras que devem ser seguidas dentro e fora de casa. Estabeleça, por exemplo, que não se pode comer doces antes das refeições, que deve-se tomar banho na hora certa e, principalmente, sentar-se à mesa para comer quando a mamãe manda. Como os pequenos sempre tendem a fazer aquela malcriação e não obedecer, quando essas situações ocorrerem, não force a barra e imponha sua autoridade com calma e amor. Para colocar os limites necessários nas crianças, é importante manter as regras até o fim. Não volte atrás em uma decisão tomada. Por mais que ele faça aquele biquinho e carinha de triste irresistível, não ceda, essa decisão demonstrará falha na autoridade. O que também deixará seu filho confuso diante de sua mudança de idéia. E não se sinta culpada, ser determinada e impor uma regra, não fará de você uma mãe menos afetuosa, apenas ponderada.

– Enquanto estiver falando com seu filho, procure olhar fixadamente nos olhos dele. Isso faz com que ela não se distraia e capte a mensagem, além de firmar sua autoridade. Se, por acaso a criança desviar o olhar, segure-a pelo rostinho delicadamente. Quando presta inteira atenção no que você fala, seu filho absorve bem a lição, o que o fará mudar da atitude errada para a certa, sem muita dificuldade.

– Nunca bata no seu filho, converse, sempre! As punições devem ser aplicadas de modo correto, sem uso da violência. A melhor maneira de puní-lo quando não cumprir com o que le foi combinado, é deixando-o – por alguns dias- sem ter ou fazer determinada coisa ou atividade que ele goste muito. Como o video-game, televisão, brincar com os amiguinhos do prédio, etc. E cumpra o castigo proposto. Relembre a dica 1, se você afirmou que ele vai ficar uma semana sem video-game, então é uma semana sem video-game. Não reconsidere.

Por Malanny Serejo

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

Deixe um comentário