Como Evitar as Cãibras

As cãibras são contrações involuntárias e dolorosas de um músculo, que afetam principalmente os músculos das pernas (panturrilha) e dos pés. Elas normalmente desaparecem em poucos minutos, ou seja, são contrações súbitas, de curta duração e dolorosas. Geralmente as cãibras aparecem quando se está no meio de alguma atividade física, a dor ocorre porque o cérebro possui uma placa motora, localizada entre o nervo e o músculo, e quando um músculo se contrai, dispara cargas elétricas dentro do cérebro.

Essa carga elétrica altera o equilíbrio entre dois minerais: potássio e sódio. O potássio se encontra dentro da fibra muscular e o sódio fora dela, e é aí que mora o problema: a ordem dos minerais dentro do músculo.

O desequilíbrio nos teores de sódio e potássio, causado por má alimentação, provoca uma inversão de posição dos minerais, o sódio passa a ocupar o lugar do potássio e vice-versa, o músculo então se contrai involuntariamente, causando as cãibras. As cãibras podem ser resultantes de uma quantidade inadequada de sangue no músculo, estiramento excessivo (lesão) ou alimentação.

A dor intensa, semelhante a um choque ou fisgada, é um fenômeno que apesar de não sinalizar nenhuma doença grave, pode funcionar como um medidor, e sinalizar que alguma coisa anda em desequilíbrio no organismo – falta de nutrientes ou água -, se a ocorrência das cãibras forem muito frequentes. Em geral, segundo os médicos, quando elas surgem, é sinal de alguma deficiência no organismo.

Para evitar as cãibras, manter alguns hábitos diários podem ajudar, como alongamentos, usar sapatos adequados, beber bastante água, incluir e retirar determinados tipos de alimento na dieta diária, como cafeína e nicotina. Uma alimentação rica em potássio, laticínios light, carboidratos (arroz, legumes, massas), pães integrais e cereais.

 

Por Malanny Serejo

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

Deixe uma pergunta ou sugestão abaixo!