Como Usar Sobreposições

Embora sejam comuns no inverno, as sobreposições caem bem em qualquer estação do ano. Além de fazerem sucesso entre os mais descolados, são uma excelente forma de espantar o frio, colocando uma roupa por cima da outra, e assim, dependendo do modo como o look foi montado, conferir ares fashions e bem antenados à produção. Sem contar que as sobreposições permitem infinitas combinações, o que deixa qualquer guarda-roupa muito mais versátil e funcional.

Porém, muitas mulheres tem dificuldades na hora de sobrepor as peças, principalmente em relação ao tecido e cor de cada uma delas que, se não forem bem escolhidas, podem acabar deixando o visual exagerado, volumoso demais ou mesmo desleixado.

Quando falamos em sobreposição, não basta apenas sair colocando camadas e mais camadas de peças e seja o que Deus quiser; mas, sim, pensar em harmonia de cores e proporções, para que o resultado não comprometa a sua silhueta, dando mais volume ou ainda tirando onde não precisa.

Para facilitar, sempre pense primeiro na peça que vai ser a base de toda a sobreposição, para depois partir para o resto do conjunto. Ela pode ser um top ou regata jutinha; a cor, vai depender da proposta do seu look. Se as demais peças forem coloridas, opte por cores neutras – branco, cinza, vermelho, chumbo, azul marinho, marrom e camelo.

Para as mais discretas, que não se deixaram seduzir pelo color blocking e desejam uma sobreposição com peças em cores discretas, uma boa posta é pontuar o look com misturas de cores neutras, em tons de nude, preto, areia, off-white e preto.

Se vai sobrepor com tons neutros, faça o contrário, e use cores vibrantes. Por exemplo, blazer preto por cima de uma camisa social e regata colorida, regata branca por baixo de uma jaqueta jeans e coletinho estampado, ou sobrepor o estampado, como floridos, xadrezes e listrados por baixo de peças lisas e vice versa, a exemplo de vestidos e leggins. Para o look sobreposição ficar sempre na medida certa certa, prefira sobrepor até 3 peças em uma mesma produção. Daí para frente, é correr o risco de deixá-lo exagerado e confuso.

Outra dúvida frequente é quanto aos tecidos. Neste terreno, vale usar a criatividade e exercitá-la ao máximo, sobrepondo peças de tecidos mais leves com outros mais grossos e rústicos. Contudo, esteja atenta às proporções do seu corpo. Como, em geral, grande parte dos looks que trazem sobreposições são centrados na parte superior do corpo, para não agregar maiores volumes às suas medidas, principalmente se estiver um pouco acima do peso, o truque é manter a última peça da produção (casaco, blazer, trench coat, jaqueta, blazer, cardigãn, bolero) aberta. Pois isso vai criar uma linha vertical ao longo do seu corpo, deixando ele mais longilíneo.

Veja abaixo algumas fotos com looks de como usar sobreposições:

Por Malanny Serejo

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

1 Comentário

  • Sempre pense primeiro na peça que vai ser a base de toda a sobreposição, para depois partir para o resto do conjunto. Ela pode ser um top ou regata justinha; a cor, vai depender da proposta do seu look. Se as demais peças forem coloridas, opte por cores neutras – branco, cinza, vermelho, chumbo, azul marinho, marrom e camelo.

Deixe um comentário