Cuidados com recém nascido

cuidados-recém-nascido

Recém nascido

Os recém nascidos precisam de uma atenção muito especial já que ele ainda está acostumado ao um mundo só dele por isso devemos ter cuidados com alimentação, o abrigo, a higiene e a prevenção de doenças, o conforto e carinho para que ele possa se adaptar mais rápido ao mundo novo.

Os olhos do bebê ainda não distingui as imagens e cores do mundo. O sistema de defesa contra infecções e sua capacidade de controlar a temperatura corporal não estão ainda completamente desenvolvidos. Ocorrendo também com seu sistema pulmonar por isso evite ambientes contaminados, mudanças climáticas bruscas e lugares perigosos.

A rotina de um bebê é chorar, dormir, mamar, sujar a fralda, ganhar carinhodas pessoas a sua volta

O choro da criança recém-nascida é o único meio que tem de comunicar o que sente no novo ambiente, é a voz do bebê, sua maneira de falar. Por isso, todo bebê chora: choro de fome ou sono, dor ou desconforto; de estar com assadura ou inquieto.

O contato corporal do pai, da mãe, e outras pessoas queridas, quando ele chora acaba confortando e sentir o calor da mãe, acalma, tranqüiliza e permite que a criança vá se acostumando ao ambiente.
O bebê dorme a maior parte do dia e da noite, podendo variar alguns dormem mais que outros. Lembre-se que não há hora certa para o sono. Só com o tempo trará o hábito de dormir um período mais longo durante a noite.

O bebê deve dormir em paz, nos lugares calmos ou menos barulhentos da casa, num berço, carrinho ou cama sem muitos panos ou cobertores em volta, para que não corra o risco de se sufocar.

A mãe deve oferecer logo o peito para a criança começar a mamar. Todas as mães dispõem do leite necessário para alimentar seus filhos. Nos primeiros dias os seios secretam um líquido amarelado, chamado colostro, que deve ser dado ao bebê, pois o protegerá de várias infecções. Aos poucos, o colostro desaparece e é substituído por um leite mais esbranquiçado.

Até os seis meses de idade, o recém-nascido só precisa de leite materno, não necessitando sequer tomar nem mesmo água ou chá. O leite da mãe é, para ele, um alimento completo, funcionando também como vacina que o protege o bebê contra infecções, sendo perfeitamente adaptado ao seu estômago e necessidades. Após a mamada, o bebê pode ser posto em posição vertical, com as costas apoiadas, para que arrote.

A primeira evacuação do bebê consiste de um material esverdeado escuro, de consistência pastosa passado alguns dias as fezes vão mudando ficando mais amolecidas, com um cheiro mais forte, passando para uma coloração amarelo-alaranjada, característica das crianças que mamam no peito. O recém-nascido urina em média, 5 ou 6 vezes por dia. Isto mostra que está mamando e se alimentando bem.

Uma higiene bem feita evita doenças e permite que a criança se desenvolva forte e sadia, trazendo conforto para a mãe e a família.
O banho dos recém-nascidos deve ser pelo menos uma vez por dia, com água morna, o que refresca e relaxa.

No início o banho, vai trazer um pouco de incomodo mais logo o bebê se adapta. A água do banho deve estar sempre limpa e temperatura adequada, para evitar queimaduras na pele delicada.
Facilite, o seu trabalho trazendo todo material a ser utilizado para o alcance da mão: sabonete, toalha, álcool, fralda e roupinhas.
O bebê tem a pele, muito delicada, fina e lisa, com dobras nos braços, pernas e pescoço.

Aos 15 dias de vida há uma descamação da pele e os pelinhos costumam cair mais ou menos no 8o mês.

Alguns bebês apresentam, ao nascer, manchas avermelhadas ou azuladas no rosto e no corpo, que desaparecem naturalmente com o tempo.

O que restou do cordão umbilical que ligava à mãe ao bebê é esbranquiçada e úmida. Com o passar dos dias, vai ficando escura e seca, até que cai por si só em geral, esse processo leva cerca de 10 a 15 dias.

O umbigo cicatrizado do recém-nascido deve ser muito bem cuidado conforme indicado pelo pediatra.

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

Deixe um comentário