Dicas de moda para mulheres baixinhas

As mulheres mais baixas muitas vezes ficam com dúvidas na hora de vestir, pois não sabe o que é adequado ou não para a sua estatura. Algumas peças podem acabar achatando a silhueta, outras aumentando, por isso é importante conhecer o nosso corpo e ter as dicas certas para não errar na escolha do look.

Quem tem cerca de um 1,60m de altura não é muito baixa, mas também não é considerada alta, esta é considerada a média de altura da maioria das mulheres brasileiras em fase adulta. Mesmo sendo maioria, na hora de enfrentar o espelho com um look elas acabam sendo desvalorizadas pela moda.

Dicas básicas para baixinhas arrasarem 7

Comprimento ideal para saias e vestidos

Com as dicas certas é possível driblar todos os empecilhos que a estatura medida impõe e se vestir adequadamente, valorizando todos os pontos positivos do seu corpo. Para começar, a primeira dica é sobre os comprimentos das peças. Saias e vestidos curtos não devem ser muito curtos, nem muito compridos. A altura de um a dois palmos acima do joelho é ideal para vestidos e saias. Quando for para mais ou para menos, a silhueta pode ser achatada.

Já, quando a dúvida for em relação aos vestidos e saias longas, o melhor é que elas sejam bem longas e que deixem apenas a pontinha dos dedos de fora. A saia ou vestido longo nunca devem deixar os tornozelos de fora, pois o resultado dessa composição é de pernas mais curtas.

Modelos de calças ideais

Agora falando em calças, também é preciso ter atenção. O modelo flare, aquele que possui a barra mais larguinha, tem sido um dos mais indicados para as meninas mais baixas. O segredo do sucesso é combinar as calças jeans com saltos altos. Para quem não abre mão das calças skinnys, a forma de parecer mais alta é combinando também com calçados de salto, de preferência na mesma cor das calças para alongar.

Blusas e casacos para investir

Quando a preocupação são as blusas e casacos, também é importante ter atenção com o comprimento. Os decotes em “V” são ótimos, pois ajudam a alongar o pescoço e o tronco, fazendo com que se pareça mais esguia. Quanto aos casacos, o melhor é que eles não sejam muito compridos, nem muito curtos. Os modelos mais longos devem ir, no máximo, até um palmo acima dos joelhos, pois mais que isso tende a deixar a silhueta comprimida. Os casacos curtos devem ficar na região dos cós das calças.

Por Íngrid de Castro

Deixe um comentário