Dicas para lidar com os primeiros sinais da terceira idade

Como lidar com a chegada da terceira idade

619-00676211

Se tem uma coisa que é inevitável na nossa vida é o envelhecimento. Não há dúvidas, nem discussões, todo mundo que estiver em plena condição de vida, saudável ou não, irá envelhecer, cada um à sua maneira, no seu estado e com as suas restrições. Lidar com a chegada dos primeiros sinais da velhice pode não ser muito fácil, há quem passe por crises na meia-idade, mas quando a terceira idade se apresenta, o que resta é buscar meios de tornar o dia a dia mais prático, mais facilitado e, é claro, aproveitar todos os momentos.

Para quem está em estado pleno de saúde, sem problemas sérios, com capacidade de locomoção perfeita, sanidade mental nota 10 e disposição, não há com o que se preocupar, é vida que segue. O que costuma ser mais complicado para a maioria das pessoas é lidar com as mudanças que vão ocorrendo no seu corpo, conforme a idade vai passando.

Muitas pessoas começam a se sentir mais afetadas por uma visão que já não é mais tão boa, uma audição não tão aguçada, o tato e força nos membro que não é mais a mesma, e assim por diante. Isso pode causar até uma revolta em certos casos, principalmente para aqueles que sempre foram independente, motivados pela sua liberdade e proativos.

Com os primeiros sinais de que o seu corpo já não atua mais como antigamente, quando era mais jovem, a melhor saída é buscar ajuda para que os problemas e limitações que possam começar a surgir já sejam averiguadas cedo e possam ser controladas, seja por meio de um tratamento adequado, de uma mudança de hábitos, enfim, de uma forma que possa melhor o dia a dia.

Uma das coisas mais erradas e que fazem qualquer pessoa que está entrando na terceira idade se sentir impotente é limitar tudo. Se você é filho(a) e está passando pela situação de auxiliar os pais que estão adentrando na velhice, não tente comandá-los, inibir que façam qualquer coisa, apenas tome os cuidados necessários para eles tenham conforto, segurança e tranquilidade, mas que possam seguir as suas vidas, fazendo as coisas que mais gostam.

O fato de morar sozinho é uma coisa que muitas pessoas enfrentam na terceira como um problema. Se não há nada que impeça de uma pessoa ou um casal idoso ter a sua própria casa, com a sua própria rotina, porque alguém deveria privá-los disso?

A melhor maneira de lidar com a velhice é aceitando as limitações, lutando para essas mudanças não atrapalhem a rotina e viver, apenas isso.

 

Por Íngrid de Castro

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

Deixe um comentário