Dicas para montar o cardápio da Ceia de Natal

ceia-de-natal-cardapio

Estamos nos aproximando do Natal e a ceia natalina é uma parte importante para receber nossos familiares e amigos durante essa época do ano. Para criar o cardápio da ceia de Natal não é uma tarefa nada fácil afinal existem diversos pratos deliciosos que podem ser feitos nessa época do ano ,porém o mais importante é saber calcular as quantidades para os convidados.

As opções culinárias para montar a ceia de Natal são inúmeras entre as mais famosas estão: O Peru, tender, chester, pernil, lombo, leitão à pururuca. Já  aos doces, que não podem ficar de fora da ceia natalina são : o bolo de nozes r os pudins, rabanada , pavês e tortas doces. Mesmo depois de definir o cardápio fica a dúvida da quantidade para servir aos convidados afinal é preciso ter cautela para não faltar essas delicias para os seus convidados , e lógicamente não errar na mão e fazer em excesso.

  • Para ajuda-la a calcular a quantidade de comida e bebida para ceia de Natal confira as dicas abaixo:

    Pratos de entrada

    Os pratos de entrada fazem a diferença para ocasião da ceia natalina. Aposte nos aperitivos leves que ajudam a saciar a fome até a chegada dos pratos principais .Sirva patês ou mousses, então considere 3 colheres por convidado. No caso dos canapés e salgadinhos, faça o cálculo de quatro a seis unidades por pessoa.

    Pratos principais

    As carnes se destacam como parte principal da ceia de natal . Ao comprar comprar peru, Chester, pernil ou tender, o ideal é calcular 250 g por convidado. Uma peça tradicional de peru serve, no máximo, 10 pessoas. Uma dica para fazer o protagonista da ceia render mais e evitar desperdício é cortando-o em fatias pequenas.

    Acompanhamentos

    Para fazer o arroz com passas e nozes, calcule um copo americano para cada quatro convidados. No caso da farofa, a medida ideal é 4 colheres de sopa por pessoa. A quantidade calculada pode ser um pouco menor se os pratos estiverem bem incrementados.

    Sobremesas

    No caso das sobremesas aposte em porções individuais para render mais. Calculando que um convidado poderá repetir pelo menos uma vez, faça duas porções por pessoa. Outra opção prática é servir panetone com sorvete gourmet.

    Bebidas

    Os tipos de bebidas que serão servidos influenciam no orçamento da ceia. A quantidade de garrafas dependerá do número de convidados. Um vinho (6 pessoas), uma cerveja (2 pessoas), uma espumante (3 convidados) e refrigerante (500ml por pessoa). O cálculo é feito sob o total de convidados sem levar em conta o gosto de cada um.

  • Para ajuda-la ainda mais nesta tarefa e acertar nas receitas e quantidades  têm um aplicativo muito interessante no site da Sadia que vai ajuda-la a calcular a quantidade de comida exata para convidado.

O aplicativo que se chama Monte sua ceia – Sadia“,nele você calcula tudo certinho e ainda monta um cardápio perfeito para a sua ceia de Natal ser impecável sem que você esqueça nenhum item .

dicas-para-fazer-o-cardapio-da-ceia-de-natal

 

 

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

2 Comentários

  • Olá Toda Perfeita.Adorei o tópico de ontem”Dicas para montar o cardápio da ceia de Natal”,só que não consegui assessar o aplicativo recomendado”Monte sua ceia”-da Sadia.No site não tem o aplicativo e quando tento entrar pelo Toda Perfeita diz:acesso bloqueado.
    Vamos ter uma ceia para 40 pessoas e preciso muito de ajuda para organizar esse cardápio e quantidades.Vocês podem me ajudar?
    Obrigada e um grande abraço.
    Olivia Maria

    • Oi Olivia dei uma olhada no site da Sadia e vi que aparece um login , senha e bloqueado. Eles devem estar em manutenção . Tente mais tarde.

      Algumas dicas para calcular a ceia de Natal por pessoa :

      Entrada
      Se a ideia for espalhar frutas secas pela casa, para que os convidados se sirvam ao longo da noite até a ceia, calcule de 100 a 150 gramas por pessoa. Caso sirva canapés ou salgadinhos, o recomendado é calcular de quatro a seis unidades para cada um, dependendo da variedade. Quanto maior o número de opções, maior a tentação em prová-los.

      Carnes
      Uma pessoa come 200 gramas de carne durante a ceia. Como um peru congelado de 3 quilos pode acabar rendendo – depois de pronto e servido– apenas 60% do seu peso, ele atende, no máximo, a nove pessoas –considerando também que toda a carne será aproveitada.

      Se os convidados ultrapassam esse número, o ideal é oferecer um peru de 4,5 quilos e contar com uma segunda opção de carne à mesa, que pode ser um peixe, um pernil ou um tender. Ela pode já ir cortada à mesa, em fatias pequenas, para evitar desperdício ou que se estrague a apresentação do prato. Mas lembre-se: com duas carnes à mesa, a probabilidade é que se coma mais.

      É importante destacar que mulheres comem, em geral, entre um terço e metade da quantidade de carne um homem. Por isso, se entre os convidados a maioria é masculina, reforce a oferta

      Acompanhamento
      A quantidade de cada acompanhamento varia de acordo com o número de opções à mesa. Em um jantar em que as carnes serão acompanhadas de arroz e farofa, o chef João Belezia diz que um quilo de farofa pronta atende 15 pessoas. Já um quilo de arroz cozido serve aproximadamente 15 pessoas; se estiver incrementado com frutas secas ou for cremoso, calcule dez.

      Sobremesa
      Para quem não quer ter dor de cabeça na hora de preparar a sobremesa, a sugestão é o sorvete gourmet. “Existem ótimas opções, inclusive nos supermercados. Como nosso Natal é quente, a sobremesa agrada e não dá trabalho.” Para cada litro de sorvete, calcule seis pessoas. Se a preferência for pelo bolo, calcule 100 gramas por pessoa caso seja a única sobremesa disponível; se houver outra opção, considere 60 gramas. Quando há mais de uma opção de sobremesa, o ideal é que cada uma delas consiga atender a todos os convidados. Se além da sobremesa, a ceia contar com docinhos, calcule três por pessoa.

      Bebidas

      Quanto a bebidas, o recomendado é, se possível, conhecer a preferência de cada convidado para definir quem prefere as alcoólicas. Como as bebidas, ao contrário da comida, não precisam ser consumidas imediatamente, é possível comprar a mais para não correr o risco da falta delas acabar com a festa.Uma garrafa de espumante serve três pessoas, enquanto uma garrafa de vinho tinto atende cinco. O consumo varia de acordo com a temperatura do dia. Como a previsão é de que seja uma noite quente, a preferência deve ser pelo espumante”, diz Belezia. A cerveja também pode ser incluída no cardápio. Se houver outras opções na ceia, uma garrafa é indicada a cada duas pessoas. Se o whisky também estiver entre as opções, calcule uma garrafa para 15 pessoas. De refrigerante, um litro atende três pessoas.

      NOTA: O cálculo deve ser feito sobre todos os convidados adultos da festa, independentemente de quem toma o quê.

Deixe um comentário