Dieta da Berinjela

Dieta da berinjela 2

 

Dieta da berinjela – cardápio

 

A berinjela é um alimento que não costumamos ter na mesa, mas está mais que na hora de inseri-la na alimentação, pois seus benefícios são grandiosos. Ela pode ajudar a reduzir os níveis de colesterol ruim (LDL), neutralizar a absorção de açúcares e gorduras no nosso sangue, além de também ser diurética e antibacteriana.

 

Este alimento também possui função terapêutica, pois deixa o corpo mais forte e prevenido de problemas como reumatismo e artrite, além de proteger o sistema digestivo. A berinjela é rica em nutrientes benéficos para a saúde e funcionamento do organismo. Ela é composta por proteínas, fósforo, ferro, cálcio e vitaminas B1, B2 e C.

 

É um alimento  aliado nas dietas, pois possui apenas 15 calorias para cada 100 gramas. A berinjela também é importante para a redução da ação das gorduras no fígado, ajudando na digestão de mantimentos mais densos.

 

 

Café da manhã

– 1 sanduíche de pão integral com requeijão light, peito de peru, queijo branco, alface e tomate

– 1 copo de suco de fruta

 

Dica: o peito de peru pode ser retirado, pois os embutidos tendem a reter líquidos. O suco de fruta deve ser consumido três horas depois do café da manhã para diminuir o espaço entre as refeições.

 

Almoço

– 1 prato (sobremesa) de salada de folhas

– 1 filé de frango grelhado

– 1 pires (chá) de arroz

– 1 fruta

 

Dica: uma pequena porção de feijão ou outra leguminosa é interessante para enriquecer a dieta. Adicione um iogurte desnatado entre o almoço e o jantar para conservar o metabolismo acionado o dia inteiro.

 

Jantar

– 1 prato (sobremesa) de salada de cenoura

– 2 hambúrgueres de soja

– 1 fatia de berinjela assada com queijo

– 1 fruta

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

Deixe um comentário