Dieta da Toranja

Uma das dietas mais antigas já inventadas, a Dieta da Toranja data desde 1930, mas ganhou fama mesmo em na década de 70. Tem como ingrediente principal a Toranja, uma fruta conhecida por seus poderes de queimar gordura.  Bastante nutritiva, a toranja é fonte de vitamina C e fibras, além de ter baixo índice glicêmico e poucas calorias (cada toranja tem entre 65 e 85 calorias).

Mas o grande segredo por de trás da toranja é que, quando acompanhada de proteínas, as enzimas presentes na fruta desencadeiam um processo muito eficaz de eliminação de gorduras, promovendo, assim, o emagrecimento rápido, com uma perda de peso de até 4.5 quilos em 12 dias. A Dieta da Toranja pode ser seguida durante mais tempo, porém, o aconselhável é dar um intervalo de 2 dias entre cada ciclo de 12 dias.

Abaixo, as vantagens e desvantagens da dieta da toranja:

Vantagens:

-Tem uma duração de apenas 12 dias e permite uma perda de peso rápida.

– A pessoa não sentirá a sensação de fome, uma vez que as refeições são balanceadas e a toranja é um alimento que promove saciedade.

-Deve ingerir pelo menos 8 copos de água por dia.

– Não necessita ser complementada com atividade física.

Desvantagens:

– A lista de alimentos permitidos é bem restrita.

– Não pode comer entre as refeições.

– Para algumas pessoas, esta dieta pode causar, sim, fome.

– Deve-se ingerir pelo menos 8 copos de água por dia.

– A perda de peso acontece nomeadamente ao nível de líquidos, ou seja, a dieta não assegura a manutenção do peso perdido.

– Para ser feita a médio-longo prazo, é preciso abdicar da dieta durante pelo menos 2 dias no final dos primeiros 12 dias, antes de iniciar um novo ciclo de 12 dias.

– A dieta pode tornar-se monótona e enjoativa, devido ao consumo frequente de toranja.

Por Malanny Serejo

Deixe um comentário