Dieta Ortomolecular

Dieta da moda, a ortomolecular está muito em evidência atualmente, ainda mais entre as famosas(maioria globais) , que fazem questão de anunciar nas revistas especializadas no assunto, os efeitos – quilos perdidos – quase milagrosos do método.Benefícios estes que, segundo os adeptos, são inúmeros. Além de emagrecimento, a dieta ortomolecular ajuda a combater o envelhecimento precoce, alivia TPM, aumenta disposição, acelera o metabolismo, melhora funcionamento intestinal e ainda contribui para uma pele, cabelo e unhas mais bonitos e saudáveis.

Nela, são totalmente abolidas refeições rápidas (fast food) e alimentos industrializados – carentes no que os ortomoleculares chamam de nutrientes vivos e essenciais. O cardápio é então refeito à base de alimentos integrais, frescos e funcionais. Contudo, em conjunto com a alimentação saudável, em alguns casos, na dieta ortomolecular pode também fazer uso de suplementos de vitaminas, minerais, lactobacilos, ácidos graxos e aminoácidos. De acordo com as carências nutricionais de cada pessoa e sempre recomendadas sob orientação médica.

Para entender melhor como funciona a dieta ortomolecular, conheça um exemplo de cardápio da dieta (com 1200 calorias, podendo perder até 2 quilos por semana):

Café-da-manhã:

Opção 1

Shake: 1 copo de leite de soja ou de amêndoa com 1 colher (sopa) de aveia, 1/2 papaia, 1/2 banana e 1 colher (sobremesa) de mel.

Opção 2

1 fruta (pêra, maçã, goiaba, figo), 1 fatia de pão integral com mix de grãos, 1 colher (sobremesa) de cottage e 1/2 colher (sobremesa) de geléia de frutas sem açúcar ou adoçante, 1 xícara (chá) de chá verde (adoce com mel ou estévia).

Opção 3

1 taça de frutas picadas (maçã, pêra, figo e banana) com 1/2 xícara (chá) de leite de soja ou de amêndoa, 1/2 xícara (chá) de aveia e 1 colher (sobremesa) de mel; 1 xícara (chá) de chá verde.

Opção 4

Müesli suíço: 1 maçã ralada com casca, 1 colher (sobremesa) de aveia, 1 colher (sobremesa) de nozes ou amêndoas cruas, 1 colher (chá) de mel, 2 colher (sobremesa) de iogurte natural desnatado e suco de 1 laranja-lima; 1 xícara (chá) de chá verde.

Opção 5

Omelete: 2 claras, 1 gema, sal marinho e salsa à vontade (use uma frigideira sem óleo e abafe com uma tampa por 7 minutos), 1 taça de frutas picadas (maçã, pêra, mamão) com suco de 1 laranja-lima; 1 xicara (chá) de chá verde.

Opção 6

Mingau: cozinhe 3 colheres (sopa) de aveia em flocos com 1 xícara (chá) de leite de soja e canela em pó. Adoce com 1 colher (sobremesa) de mel e sirva com frutas vermelhas (morango, amora, framboesa), pêra ou maçã; 1 xicara (chá) de chá verde.

Lanches (manhã e tarde):

Opção 1

1 fruta (maçã, pêra, goiaba vermelha, caqui) e 10 amêndoas cruas (ou castanhas-do-pará).

Opção 2

1 copo (300 ml) de suco antioxidante (bata 1 maçã, 2 cenouras, 1 talo de salsão, 1 pedaço pequeno de gengibre com 1 copo de água mineral e coe)

Almoço:

Opção 1

Salada de folhas verde-escuras (rúcula, agrião, escarola, couve-manteiga, almeirão); legumes crus ralados (chuchu, abobrinha e abóbora) temperados com salsa e alecrim frescos batidos com azeite de oliva, limão e shoyu; 3 colheres (sopa) de arroz integral, 2 colheres (sopa) de soja em grãos, 3 colheres (sopa)de couve-flor refogada.

Opção 2

Omelete de champignon (veja a receita), salada de folhas verde-escuras temperada com alecrim, manjericão, salsa e hortelã batidos com azeite de oliva, limão e shoyu; 3 colheres (sopa) de arroz integral.

Opção 3

Salada mista: 4 colheres (sopa) de brócolis (flor e talo) cozidos no vapor, 1/2 xícara (chá) de salsa, 2 tomates, 1 pepino em cubos e 2 colheres (sopa) de atum conservado em água temperados com 1 pedacinho de gengibre batido com azeite de oliva, alho, limão e shoyu; 3 colheres (sopa) de arroz integral, 2 colheres (sopa) de feijão.

Opção 4

Frango com ervas aromáticas, salada de folhas verde-escuras temperada com azeite de oliva, sal e limão.

Opção 5

Salada de folhas verde-escuras temperada com semente de mostarda batida com azeite de oliva e vinagre balsâmico (ou limão); 1 prato (raso) de carpaccio de carne, 1 fatia de pão de centeio.

Opção 6

1 filé de badejo assado com azeite e ervas frescas, 3 colheres (sopa) de arroz integral, 2 colheres (sopa) de espinafre refogado com azeite, cebola, alho e sal (ou shoyu).

Jantar:

Opção 1

Sopa de agrião (veja a receita), 1 filé pequeno de alcatra grelhada, 1 caqui.

Opção 2

1 prato (raso) de espaguete ao pesto de manjericão (veja a receita), 1 prato (sobremesa) de legumes refogados, 1/2 banana- da-terra assada no forno com canela.

Opção 3

Consomê de vegetais com aveia (veja a receita), salada mista: 1 sardinha sem pele e sem espinhos com salsão, maçã verde, erva-doce e cenoura cortados em cubos e temperados com limão, shoyo e mel.

Opção 4

Sashimi: 15 fatias finas variadas de salmão, atum e robalo temperadas com shoyu, suco de laranja-lima, cebolinha e pedaços pequenos de gengibre (opcional), 1 prato (sobremesa) de legumes (abobrinha, berinjela, cenoura, cebola) grelhados; 1 prato (sopa) de missoshiro (missô dissolvido em água quente com cebolinha picada e tofu em cubos).

Opção 5

Salada de triguilho cozido com cenoura e abobrinha raladas e rúcula temperada com shoyu, sal e azeite; 1 prato (raso) de nhoque de ricota com molho de tomate e polvilhado com queijo parmesão.

Opção 6

1 filé grande de salmão grelhado, 3 colheres (sopa) de couve-manteiga crua em tirinhas temperada com azeite, limão e shoyu; 1 prato (sobremesa) de abóbora japonesa cozida com casca e temperada com azeite, limão, sal e salsa.

Por Malanny Serejo / Fonte:boaforma.

Deixe um comentário