Dinheiro por conta própria

dinheiro

Renda de autônomo: como se organizar?
Hoje no País existe um índice bem elevado de trabalhadores que largaram seus empregos de carteira assinada e optaram por um trabalho autônomo. Neste tipo de trabalho encontramos algumas vantagens: liberdade de horário, férias quando bem entender, nada de chefe por perto… Mas na hora do salário aí complica um pouco, se a pessoa não tiver uma organização financeira pode cair no vermelho facilmente.
Como dizem por aí quem poupa sempre tem.

Diagnostique o problema
Então, veja abaixo o caminho para que o autônomo não fique no vermelho:

Calcule sua renda média: some os rendimentos dos três últimos meses e divida por três.

Desconte impostos e despesas administrativas relacionadas à sua atividade, como aluguel e luz.

Anote sempre seus gastos  os grandes e os pequenos, tais como  lanches, transporte, cinema e baladas.

Guarde 10% dos ganhos antes de começar a pagar as contas. Uma cadernetade poupança seria o ideal, por que na hora de necessidade você tem uma reserva.

Quite primeiro os serviços essenciais, como água, luz e gás.

Não faça prestações de longo prazo, pois tem meses que a renda é muito boa, mais temos outros em que é muito baixa.

O ideal mesmo que a compra seja sempre a vista.
Tenha sempre em mãos um livro caixa em que possa anotar o que entra e o que saí.

O importante é que você  organize todos os detalhes de sua nova profissão.
Identifique-se com sua atividade e com seus clientes.
Mãos a obra e vá a luta.

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

Deixe um comentário