Drenagem Linfática na Gravidez

Tratamento estético mais indicado para gestante, a drenagem linfática, por ser uma massagem suave e lenta, ajuda a diminuir a retenção de líquido no corpo e reduz os costumeiros inchaços da gravidez. Embora academias, clínicas estéticas, spas, hotéis e cabeleireiros ofereçam a técnica, é recomendado que ela seja realiza sempre por um fisioterapeuta cadastrado na Sociedade Brasileira de Medicina Estética. Pois, se mal aplicada, a drenagem linfática pode gerar desagradáveis efeitos colaterais.

A drenagem linfática é fundamental no período de gestação, pois previne e ajuda a amenizar complicações circulatórias e de musculatura; bem como problemas derivados das mudanças hormonais: enxaqueca, insônia, constipação intestinal e cansaço.

Durante o procedimento, o profissional pressiona e desliza a mão por todo o corpo, direcionando o excesso de líquidos para os gânglios linfáticos, responsáveis pela eliminação da urina. Depois de aplicada a massagem, é comum sentir vontade de urinar com mais frequência, contudo, este é um sinal de que a drenagem surtiu os resultados esperados.

Para quem não gosta de massagem manual, existe ainda a dermotonia, uma técnica francesa que também pode ser uma boa alternativa. Única técnica com aparelho que pode ser usada por gestantes, deve ser aplicada por profissional treinado, com a ajuda de um aparelho que faz uma leve sucção na pele, e possui os mesmos efeitos da drenagem linfática manual.

 

Por Malanny Serejo

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

Deixe um comentário