É aconselhável trocar uma refeição por shake?

Refeição ou shake?

mulher-bebendo-shake-refeicao

Em busca de um corpo perfeito, muitas pessoas acabam fazendo grandes loucuras para conquistar a perda de peso desejada. Dietas malucas e hiper restritivas são publicadas em revistas e web sites todos os dias, bem como pessoas aderindo à elas. Dentre essas dietas restritivas, há quem ande trocando uma refeição por uma porção de shake. Essa tática parece dar certo em alguns casos, mas será que é aconselhável deixar de jantar para tomar um shake? Vamos conferir:

Especialistas no assunto não indicam a troca de uma refeição por shake como uma boa atitude para perder peso, pois em vez de uma considerável perda de peso, o efeito pode ser o contrário, ou seja, você pode engordar. Mas como isso acontece? Bem, isso pode acontecer porque muitas dessas fórmulas não são como realmente deveriam ser, na verdade, o problema está na quantidade de carboidratos que eles contém, mas não são declaradas na composição dos rótulos.

Além da possibilidade dos shakes conterem carboidratos não declarados, o que sabotaria a sua dieta, este tipo de bebida também não é tão indicada, pois pode não apresentar todos os nutrientes necessários para o nosso organismo, os quais estão presentes em uma refeição tradicional. Para que um shake possa ser usado no lugar de uma refeição, ele deve conter, pelo menos, proteínas, carboidratos magros e vitaminas. O fato é geralmente eles não contêm esses nutrientes.

refeição por shake

É importante saber que investir em uma dieta tão restritiva por conta própria pode ser arriscado para o seu próprio organismo. O acompanhamento de um profissional é indispensável para garantir que você estará fazendo a dieta mais indicada para o seu organismo, para os seus objetivos e suas necessidades. Um dos grandes riscos de apostar em uma dieta baseada em shakes é que eles tendem a apresentam um altíssimo teor de proteínas, e o excesso delas pode comprometer o seu metabolismo e atrapalhar algumas funções do seu organismo, como a hepática e renal.

Ainda sobre os carboidratos, especialistas afirmam que uma porção de shake pode ter até mais de 70 gramas desse nutriente, enquanto que uma refeição normal em um regime de baixo consumo de carboidratos pode ter até 50 gramas. Portanto, sendo assim não há motivos para deixar de comer um delicioso prato tradicional para beber um simples shake com sabor artificial. Comer também nos influencia psicologicamente, por isso é bom comer algo que nos satisfaça e dê prazer.

 

Por Íngrid de Castro

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

Deixe um comentário