Emagrecer para Sempre

Emagrecer para sempre, o desejo de todos que travam uma verdadeira batalha com a balança. Mas, como em tudo na vida (ainda mais neste departamento), apenas as suas escolhas irão determinar a vitória contra os ponteiros da “amiga” citada acima, e o controle, de uma vez por todas, do seu peso. Para emagrecer para sempre, é preciso, antes de tudo, evitar cair na sedução das dietas da moda, feitas sem orientação médica. E, no lugar, apostar numa reeducação alimentar. Que prioriza basicamente os seguintes preceitos:

– Mantenha uma rotina de exercícios: praticar atividade física diariamente, por pelo menos 30 minutos vai ajudar a melhorar o metabolismo – peça chave para a perda do peso. Não tem uma regra, pode ser caminhada, bicicleta ergométrica, esteira, qualquer outro à sua preferência. A atividade física não só ajuda no emagrecimento como é fator determinante para a manutenção do peso.

– Elimine (ou limite ao máximo) o consumo de alimentos com alto índice glicêmico: pães, batatas, arroz, massas, salgadinhos, tortas, bolos, rosquinhas, biscoitos, doces, chocolates, sorvetes, e todos os alimentos feitos com farinhas (massas), amido e açúcar. Maus carboidratos, eles engordam muito, têm pouco nutrientes e não fazem bem a saúde. Levando às doenças, como a síndrome metabólica, resistência à insulina e diabetes, hipertensão arterial, aumentos do colesterol e triglicérides, derrames (AVC), problemas cardíacos  circulatórios, etc. Além de serem os maiores  responsáveis pelas odiadas celulites, flacidez e envelhecimento precoce.

– Procure comer mais alimentos naturais: frutas, verduras, legumes, leguminosas (feijão, soja, grão de bico, lentilha…), castanhas, amêndoas, e cereais magros (aveia, farelos), semente de linhaça. Bons carboidratos e donos de gorduras da melhor qualidade, promovem a saúde, repõem nutrientes, revitalizam o organismo e, claro, ajudam a emagrecer – e manter o peso.

– Consuma mais proteínas: construtoras dos músculos, são super importantes e não devem faltar numa boa dieta. Mas vale salientar, fique com as proteínas magras, como leite desnatado, e seus derivados, queijos (magros) e iogurtes (light e sem açúcar), carnes magras (boi, aves, peixes, etc.), sempre assadas e grelhadas, evite frituras.

– Beba bastante água: para hidratar, desintoxicar e perder peso. Sem água, o metabolismo pisa no freio, envelhecemos rapidamente e doenças são mais fáceis de serem adquiridas. Deve-se beber pelo menos 2 litros de água por dia.

– Faça seis refeições diárias: três refeições principais (café da manhã/almoço/ jantar), acompanhadas dos lanches e ceia. Nesses intervalos, prefira comer coisas saudáveis (frutas, castanhas, amêndoas, iogurtes light, sucos com adoçantes, biscoitos integrais, etc.).

– Utilize produtos naturais e integrais: mel, açúcar mascavo, arroz integral, pão integral, etc. Mantenha o hábito de ler sempre os rótulos dos alimentos que ingerir. E evite tudo que contiver gordura trans, colesterol, ou os carboidratos de alto índice glicêmico.

– Nunca pule refeições ou fique muito tempo sem se comer: Isso também faz o metabolismo brecar e pode causar hipoglicemia, gerando tremores, tonturas, suores frios, dores de cabeça, e mais a frente, dor de estomago e gastrite.

Por Malanny Serejo

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

Deixe um comentário