Garganta Inflamada – Sintomas e Como Evitar

As dores de garganta, em geral, são um sintoma e não uma doença. As suas causas podem ser originadas de uma infecção, ou mesmo do hábito de dormir de boca aberta que seca e irrita a garganta; bem como, frequentar espaços com circulação de ar artificial, fumo e alergias. Com isso, a garganta afetada dificulta bastante a deglutição de alimentos e até da própria saliva.

A dor de garganta pode ocorrer devido a um quadro de faringite ou amigdalite. Faringite é o nome dado à inflamação da faringe; amigdalite é a inflamação das amígdalas. Ambas apresentam como principal sintoma a dor de garganta. Apesar de inflamarem juntas, algumas pessoas tem predominantemente amigdalite, enquanto outras são mais propensas a quadros de faringites.

Nos dois casos, os sintomas costumam ser:

– Dor de garganta;

– Febre;

– Dores pelo corpo;

– Dor de cabeça;

– Prostração (fadiga e cansaço).
Porém, algumas medidas simples ajudam a combater os sintomas, como:

– Aumentar a ingestão de líquidos (chá com limão e mel e chá de camomila);

– Gargarejar água morna com sal (coloque uma colher de sobremesa de sal em cada copo de água e gargareje);

– Chupar pastilhas ou tomar xaropes para a tosse;

– Fazer nebulizações com vapor de água;

– Diluir um pouco de sumo de limão em meio copo de água e beba;

– Umedecer o ar do seu quarto de dormir (vapor de água);

– Desobstroir o nariz;

– Sempre agasalhar a garganta;

– Mudar frequentemente de escova de dentes;

– Tomar vitamina C.

 

 

Por Malanny Serejo

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

Deixe um comentário