Ortorexia – Sintomas e Tratamento

Transtorno alimentar recentemente diagnosticado, a Ortorexia surge quando a pessoa se torna obsessiva quanto aos padrões (se o alimento é orgânico, integral, livre de açúcar, gordura etc) e procedência  daquilo que come. Ao contrário da anorexia ou bulimia, a pessoa permite-se comer, mas fica tão obcecada com o que come que todos os seus pensamentos ficam ocupados com a dieta.

O ortorexo permitem-se apenas ingerir alimentos saudáveis e verifica minuciosamente o conteúdo nutricional de cada elemento que consome. Calorias, vitaminas e nutrientes tornam-se o ponto focal da comida e qualquer coisa que não esteja na lista do permitido é terminantemente abolido da sua dieta.

Embora todos saibam dos benefícios de se adotar uma alimentação saudável, estas pessoas levam a obsessão com o conteúdo dos seus alimentos ao extremo, e não se permitem, em circunstância alguma, um desvio do seu programa de tipos de alimentos autorizados.

Conheça os sintomas da Ortorexia:


– Examina cada pormenor do que se encontra em cada alimento;

– Só se permite alimentos saudáveis;

– Consegue comer uma refeição preparada por outra pessoa;

– Observa e comenta a maneira como outras pessoas preparam a comida;

– Pensa em conteúdo nutricional durante o dia;

– Entra em pânico ao comer qualquer coisa fora da sua dieta diária, pensando que ela possa oferecer riscos instantâneos a sua saúde e boa forma;

– Perdeu muito peso recentemente sem seguir conscientemente uma dieta;

Os ortoréxicos podem ser seriamente afetados por esse distúrbio. A pessoa pode começar a isolar-se do convívio social, evitando encontros com os amigos em restaurantes, festas etc, por medo de comer o que é oferecido neste lugares;   tornando- se cada vez mais distante à medida que vão se fixando cada vez mais nas suas rígidas regras dietéticas.

A ortorexia também pode diminuir o desempenho profissional do indivíduo, dificultando sua capacidade de se concentrar no trabalho ou de estudar, à medida que a sua mente se ocupa cada vez mais com a sua dieta e com os alimentos que são permitidos, como articulá-los no seu dia-a-dia ou quantas vezes se devem mastigá-los.

Por ser encarada como transtorno alimentar, o tratamento da ortorexia deve ser feita com ajuda de profissionais especializados no assunto, como psicólogos com experiência nesses casos. Em conjunto com um nutricionista para avaliar de perto a evolução no bem-estar e melhora nutricional da pessoa.

 

Por Malanny Serejo

Deixe um comentário