Plantas para Ambientes Internos

Plantas para ambientes internos  1

 

Dez plantas para manter em apartamentos

1. Antúrio – esta planta é conhecida por suas flores, são ótimas para decorar ambientes. Pode ser plantada em vasos, mas ultimamente tem aparecido em jardins sob outras plantas. Necessita de meia luz, mas também não pode viver no escuro;

2. Bromélia – é adequada para ambientes internos, pois necessita de luz indireta, já que a luz direta pode queimar as suas folhas. Deve ser regada a cada dois dias, fazendo sempre a limpeza do centro onde acumula água, para evitar proliferação de mosquitos;

3. Lírio da Paz – ela floresce a sombra, é bastante utilizada em decorações, devido sua flores vistosas. Necessita de solo úmido e abrigo do Sol, pois a luminosidade direta queima suas folhas;

4. Jiboia – é uma trepadeira para ambientes interno, pode se apoiar em xaxins ou em outras plantas. Quando criada apenas à sombra, mantém suas folhas pequenas e verdes. Deve ser regada frequentemente para manter a terra úmida;

5. Palmeira Arec – um dos tipos mais populares de palmeiras, ela possui suas folhas finas e bem verdes. Quando criada em ambientes internos, à meia sombra, fica mais bonita. Deve ser regada com frequência e, preferencialmente, não cultivada em ambientes com ar-condicionado;

6. Palmeira Chamaedórea – pode ser plantada em vasos, tem altura máxima de dois metros. Ela se adapta bem a ambientes úmidos e com pouca luminosidade. Deve ser regada frequentemente para manter a terra úmida;

7. Palmeira Rafis – esta é uma ótima planta para se manter em ambientes fechados, ela pode ser plantada em vasos e vive bem com qualquer tipo de iluminação. Deve ser regada constantemente, mas sem encharcar sua raiz;

8. Pau d’água – possui a folhas com aparência parecida com a Pleomele, mas sua base é baixa, não possuindo caule. É uma planta resistente ao ar-condicionado e não precisa ficar exposta diretamente ao sol;

9. Pleomele – esta é uma planta de caule fino com muitas folhas compridas com riscos verde-limão. Pode ser criada em ambientes internos, mas caso comece a perder folhas deve ser posta em local com maior luminosidade;

10. Signômio – quando jovem possui manchas brancas e depois fica com as folhas totalmente brancas. Necessita de meia luz e deve ser regada frequentemente, mantendo sua terra úmida.

 

Por Ingrid de Castro.

Deixe um comentário