Página inicial » Culinária » Receita de Pequi em Conserva

Receita de Pequi em Conserva

Atualizado em:

Pequi Receita de Pequi em Conserva

Considerada uma iguaria gastronômica, o pequi, fruta típica do cerrado, é bastante apreciado nas regiões sudeste e centro-oeste do Brasil. Principalmente nos estados de Goiás e Minas Gerais, onde a fruta cor amarelo-ouro é bastante valorizada. Produto exportação, o pequi agora frequenta as mesas estrangeiras, sendo a frutinha com sabor de comida interiorana, também vendida nos EUA, e em cidades bem cosmopolitas, como Nova York. Pode ser consumido puro, cozido à moda goiana – com arroz e frango – ou na forma de conserva.

Gosta de pequi? Então, aproveite e aprenda essa ótima receitinha de pequi em conserva:

Conserva de pequi

Ingredientes:

½ kg de pequi em caroços

3 litros de água potável fervente

10 ml cloreto de cálcio

20 gramas de sal (duas colheres e meia de sobremesa)

8,42 gramas de ácido cítrico (1 colher de sobremesa)

Modo de Preparo:


Retire os caroços do fruto do pequi, selecionando os de boa qualidade e fazendo a limpeza dos frutos em água potável.Em seguida, faça o “branqueamento”, que consiste na imersão do pequi em água fervente, adicionando para cada litro de água utilizado 5 ml de cloreto de cálcio. Após o branqueamento, os caroços devem ser resfriados em água potável. Agora, faça o acondicionamento dos caroços em vidros previamente limpos e esterilizados, utilizando uma solução sanitizante (para cada litro de água utilizado, adicione 10 ml de água sanitária), e deixe em imersão por 20 minutos. Após os caroços acondicionados nos vidros, coloque a salmoura.

Preparação da salmoura:

1 litro de água

20 gramas de sal (equivale a 2 colheres e meia de sobremesa)

8,42 gramas de ácido cítrico (equivale a uma colher rasa de sobremesa).

- Ferva essa mistura e coloque nos vidros, já com os pequis, na temperatura de 95ºC.

Leve os vidros cheios imediatamente para a exaustão, que consiste em colocar os vidros semi-tampados em um recipiente aberto, como uma panela grande. O nível da água deve ficar em torno de 3 cm abaixo da borda da tampa. O tempo recomendado é de 15 minutos, contados a partir do início da fervura. Passado este tempo, lacre os vidros completamente, cubra com água fervente e deixe ferver por 30 minutos.

- O resfriamento dos vidros após o tratamento térmico deve ser feito de forma gradativa. Isso evita o choque térmico e consequente ruptura dos vidros.

Por Malanny Serejo / Fonte: www.globoruraltv.globo.com

Revisado por: em .

Sobre TodaPerfeita

4 comentários

  1. claudio orioli

    quanto tempo o pequi deve ficar em conserva para poder ser consumido?

  2. onde guardo a conserva na salmora do pequi? e por quanto tempo devo guardar?

  3. Maria da consolaçao

    Nao aguento ver tanta comida deliciosa è de dar agua na boca

  4. Deve-se registrar que os pequis não devem sofrer contato com as mãos na hora de descasca-los. Isso faz com que eles azedem.

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>