Sapato Ideal Para Trabalhar – Como Escolher

Atualizado em:

sapato para trabalhar Sapato Ideal Para Trabalhar – Como Escolher

O sapato ideal para trabalhar, deve fazer com que a mulher “chegue inteira” no final do dia. Ou seja, deve primeiramente proporcional o máximo de conforto, além de ser elegante e versátil, possibilitando boas combinações e looks. Caso você saia do trabalho para um almoço, coquetel ou happy hour. Para quem trabalha em pé, os cuidados com o calçado precisa ser redobrado, o recomendado é optar por sapatos fechados atrás (para dar estabilidade às passadas) com salto de base larga e leve, e de preferência com altura de no máximo 4 centímetros.

Confira mais dicas de como escolher o sapato certo para trabalhar.

– Geralmente a escolha do sapato de trabalho é determinada segundo a política da empresa e cargo ocupado. Se o traje social é uma exigência, opte por sapatos discretos e fechados, como um scarpin ou channel. Se o ambiente for informal, nesse caso pode ficar livre para escolher calçados confortáveis e com mais informações de moda, a exemplo de sapatilhas, sandálias, peep toes, oxfords, hiking boots, meia patas e botas.

– Se você não abre mão de um belo salto para trabalhar, ele pode sim ser usado. Contudo, desde não seja exagerado e vá de acordo com sua profissão, permitindo que possa se sentir confortável durante todo o dia. Os modelos ideais, são os sapatos com saltos medianos, grossos ou que sejam pouco fechados no peito do pé.

– Na hora de comprar o sapato para trabalhar, atente sempre para o seu peso e a forma do pé. Pois o como o volume do pé altera-se ao fim do dia, é desejável comprar os sapatos ao final do dia, quando os pés estão mais inchados e calçá-lo também com o tipo de meias que se vai usar com eles.

– Ao experimentar o calçado na loja, comece por calçá-lo no pé mais volumoso, verificando se o dedo maior não toca na ponta do sapato ao caminhar. A forma da biqueira deve adaptar-se aos dedos do pé. O sapato deve sempre respeitar a harmonia entre o comprimento e a largura. Não esqueça de examinar sempre a flexibilidade do sapato e a biqueira. A sola deve ser resistente, mas não muito rígida. A sola deve proporcionar maior conforto e elevada resistência ao desgaste, além de ser leve, confortável e anti-derrapante.

– Evite os bicos finos, principais causadores de joanetes e unhas encravadas. Com sapatos de sola plana, o peso do corpo fica distribuído de maneira mais uniforme pela extensão dos pés. Prefira os sapatos feitos em pele ou couro, que são mais flexíveis e favorecem a ventilação do pé.

 

Por Malanny Serejo

Revisado por: em .

Deixe uma pergunta ou sugestão abaixo!