Victoza para Emagrecer

Um produto que vem causando polêmica e despertando a atenção da área médica e também dos que estão em guerra contra a balança, a Victoza é, na verdade, um medicamento usado para ser usada no controle da diabetes do tipo 2.

Porém, por apresentar características semelhantes com um hormônio produzido pelo organismo, o GLP-1, que regula a secreção de insulina e glucagon, inibe a secreção de suco gástrico e aumenta a sensação de saciedade, tem sido também utilizado para tratamentos de perda de peso. Devido a esses efeitos demostrados pelo medicamento, os pacientes que tomam Victoza estão apresentando bons resultado no combate da gordura localizada, aumentando assim a possibilidade de Victoza também ser usada no combate à obesidade.

Mesmo assim, o medicamento tem despertado grande polêmica, principalmente entre diabéticos, obesos, médicos e farmacêuticos. Pois, por ser agora o Victoza usado, além de combater o diabetes tipo 2, no emagrecimento, a procura do remédio para emagrecer tem prejudicado pacientes diabéticos, já que o medicamento anda em falta no mercado, sobretudo na capital paulista.


Só para dar um exemplo, em São Paulo o medicamento está em falta em todas as farmácias, onde quase nenhuma apresenta o medicamento a pronta entrega e quase todas afirmaram que a distribuidora do medicamento já está com o estoque zerado. Em uma rede de farmácias da Capital foram pedidas 15 mil unidades, que acabaram em menos de 60 dias.

O victoza atua no organismo através da liraglutina, o hormônio base do medicamento, que é similar ao nosso GLP1-1, hormônio natural que prolonga a sensação de saciedade, fazendo a digestão ficar mais lenta e a pessoa demorar a sentir fome. O remédio é vendido em forma de caneta com ponteira injetável intramuscular, onde a própria pessoa pode aplicar a injeção, em áreas como as coxas, barriga e braço. E seu efeito se estende por até 24 horas no organismo.

Porém, o victoza pode desencadear alguns efeitos colaterais, tais como enjoos e nauseas e dores de cabeça. Além de ser necessário ter receita para comprar e seguir à risca a dosagem e recomendações médicas na hora fazer uso.

Por Malanny Serejo /Fonte: correiodoestado./scinceblogs.

1 Estrela2 Estrela3 Estrela4 Estrela5 Estrela (Ainda sem avaliação)

1 Comentário

  • muito legal este novo medicamento para emagrecer. tenho 140 kilos vou tentar este medicamento agora vou passar no medico

Deixe um comentário